O Sétimo Guardião – Luz conta o que sabe sobre os guardiães e Machado se apavora

Em O Sétimo Guardião, com o desaparecimento de Laura (Yanna Lavigne), o delegado da cidade de Serro Azul não mede esforços para descobrir o paradeiro da garota antes que a notícia atraia os holofotes da mídia sobre o caso, atraindo assim também a polícia estadual.

O objetivo de Machado (Milhem Cortaz) é encontrar a patricinha desaparecida antes que investigadores de fora comecem a xeretar e assim descubram o casarão e o mistério da fonte de água milagrosa.

Sabendo que Laura desapareceu após uma briga com Luz (Marina Ruy Barbosa), ele procura a professora para saber:

“Como foi que você entrou no casarão?”

“Se o senhor quer assim tanto saber é porque provavelmente já sabe a resposta… e as suas suspeitas estão corretas”, revela Luz.

Machado descobre que Luz esteve na fonte

A mocinha pede licença a Sóstenes (Marcos Caruso) para conversar em particular com o delegado. Luz então mostra o mapa dos acessos à fonte ao delegado e conta que caiu num buraco que levava até o local.

“Caí em um túnel que me levou até à fonte. Lá eu encontrei uma escada que dava direto ao casarão. Como a porta não estava trancada, eu entrei”, conta.

Machado fica nervoso e quer saber mais detalhes do que aconteceu

“Mas pelo que você acabou de me contar… Você e Laura só se encontraram de madrugada. O que você ficou fazendo esse tempo todo no casarão?”.

Luz diz na cara de Machado que sabe que ele é membro da irmandade

A mocinha diz então que passou esse tempo todo no escritório. Machado pergunta: “fazendo o quê?”.

“Lendo o livro da irmandade. Era o que eu estava procurando. Não consegui ler tudo porque Laura atrapalhou, mas descobri sobre a irmandade e a fonte secreta que ela protege. romper. O livro fala sobre a irmandade secreta que protege a fonte. E é por isso que o senhor está aqui fazendo estas perguntas, pra saber se eu achei outra passagem pra chegar na fonte”.

Machado disfarça e diz que tudo isso é uma novidade para ele. Mas ela mostra que sabe de mais um segredinho:

“Não, não é. Como guardião o senhor sabe muito bem do que estou falando.”